As principais pragas urbanas em hotéis

Todas as pragas urbanas comuns em ambientes residenciais e comerciais devem ser consideradas um risco maior para os hotéis. Afinal, as mesmas condições que elas encontram em ambientes urbanos, podem encontrar dentro dos ambientes de hospedagem.

Porém, os hotéis devem se preocupar com outras pragas diferentes de residências comuns. Para gerar o que é chamado de “conforto invisível”, é preciso ter um controle rígido das principais pragas urbanas. Entre elas estão:

  • Ratos – Agentes contaminadores, responsáveis por doenças graves e infecções sérias. Os roedores também destroem o ambiente e danificam a propriedade, causando prejuízos diversos. Isso sem contar na péssima reputação que podem trazer para o hotel.
  • Baratas – As baratas são outras criaturas que podem acabar com a reputação de um hotel ou pousada. Além disso, elas transmitem diversas doenças e são bem resistentes, difíceis de se livrar.
  • Cupins – Os cupins causam grandes prejuízos estruturais, podem roer os móveis, peças de madeira maciça e até mesmo concreto.
  • Percevejos – Os percevejos também são pragas encontradas em residências, mas são nos hotéis que eles fazem estragos. Além de acabar com a noite de sono dos hóspedes, um número maior de colchões e camas, aumenta a chance do surgimento destas criaturinhas.

A melhor maneira de eliminar essas pragas é elaborar um plano eficiente de controle junto a uma empresa especializada. E se as pragas já estão no ambiente é preciso fazer a dedetização com toda a segurança e eficiência que profissionais treinados e capacitados podem oferecer. Com muita experiência no segmento e seguindo todas as normas, garantimos o seu ambiente livre das pragas urbanas.

 

Leia também: Faça uma dedetização antes que o problema aconteça. 

Trombim Saúde Ambiental

Open